sábado, outubro 24

O cachorro


Ele é tão pequeno que
caminha nas linhas da mão
sobe pelo monte da lua
descansa na curva do coração

10 comentários:

doca disse...

branco
de neve quente

Perivaldo Graça disse...

não conhecia seu blog, que grata surpresa! que bom que vc passou lá pelo meu... até

Silvia Caroline disse...

ja estou torcendo pelo seu livro!

bonitinho conto, me lembra Drummond!

obrigada pela visita. já tem uma seguidora!

;*

vanessacamposrocha disse...

Obrigada Perivaldo, estamos quites por que também tive surpresas com o seu blog!
abraços

vanessacamposrocha disse...

Oba Silvia,

obrigada pela torcida! Sigo suas letras também!

Carlos Lopes disse...

Obrigsdo pela visita e elogio. Kiss português!

Lorena disse...

Um poeminha tão delicado!

Obrigada pela visita e volte sempre.
Beijos, estou a te seguir.

[ rod ] ® disse...

doce e dócil... o coração o acompanha... bjs.

vanessacamposrocha disse...

obrigada Lorena (oba, ganhei uma seguidora?)
beijos

vanessacamposrocha disse...

rod, o que coração doce é de quem lê!